Notícias
CARREIRA FARMACÊUTICA Imprimir e-mail
30-Ago-2017

Foram publicados em Diário da República os Diplomas que implementam a Carreira Farmacêutica. A partir de amanhã SOMOS FARMACÊUTICOS NO SNS.
Muito falta ainda fazer, mas a base a partir da qual esse trabalho tinha que ser construído está conseguida.
O SNF agradece publicamente a todos os colegas e a todas as Instituições que se empenharam nesta causa.

Consulte aqui .

 

 
APROVADA A CARREIRA FARMACÊUTICA EM CONSELHO DE MINISTROS Imprimir e-mail
20-Jul-2017

O Conselho de Ministros aprovou dois decretos-leis que estabelecem o regime legal da carreira especial farmacêutica na Administração Pública e os requisitos de habilitação profissional para integração nessa carreira, assim como o regime da carreira farmacêutica nas entidades públicas empresariais e nas parcerias em saúde, que funcionam em regime de gestão e financiamento privados, integradas no Serviço Nacional de Saúde.

Com estes diplomas pretende-se, por um lado, autonomizar e enquadrar a carreira de farmacêutico com vínculo de emprego público, na modalidade de contrato em funções públicas, e, por outro lado, garantir que os farmacêuticos das instituições de saúde no âmbito do SNS, contratados ao abrigo do Código do Trabalho, possam dispor de um percurso comum de progressão profissional e de diferenciação técnico-científica, o que possibilita também a mobilidade interinstitucional e uma harmonização de direitos e deveres.

VEJA AQUI O COMUNICADO DO CONSELHO DE MINISTROS  

 

 

 
GREVE DESCONVOCADA! Imprimir e-mail
12-Jul-2017

Porto, 12 de julho de 2017

 O Sindicato Nacional dos Farmacêuticos (SNF) retirou o pré aviso de greve que previa a paralisação para os próximos dias 18 e 19 de julho e, posteriormente, por tempo indeterminado a partir de 1 de agosto.

 A greve foi desconvocada porque o SNF recebeu a garantia do Ministério da Saúde de que «os diplomas da Carreira Farmacêutica irão a Reunião de Conselho de Ministros no próximo dia 27 de Julho». O Gabinete do Senhor Secretário de Estado da Saúde informou ainda o SNF que «a carreira ficou aprovada na última reunião de Secretários de Estado e o facto de só ir a Reunião de Conselho de Ministros no próximo dia 27, prende-se exclusivamente com o facto de ser a reunião mensal que tem carácter deliberativo.»

 O SNF congratula-se com este anúncio do Ministério da Saúde, tendo em consideração que esta era uma pretensão com mais de 20 anos.

 A Direção do Sindicato Nacional dos Farmacêuticos

 

 
GREVE FARMACÊUTICOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA – Sessão de esclarecimento Imprimir e-mail
03-Jul-2017
 
Caros Colegas,
 
No seguimento da greve decretada pelo SNF para os próximos dias 18 e 19 de Julho, iremos promover reuniões de esclarecimento:

Porto - dia 4 de Julho pelas 21:00, nas Instalações Secção Regional da Ordem dos Farmacêuticos.
Coimbra - dia 5 de Julho pelas 21:00, nas Instalações da Secção Regional da Ordem dos Farmacêuticos
Lisboa - dia 6 de Julho pelas 21:00, no Sana Malhoa Hotel na Av. José Malhoa, 8,  1099-089 Lisboa

Sendo esta a primeira greve que o sindicato convoca em 20 anos é fundamental que todos os colegas estejam presentes.
 
Do sucesso desta greve depende o nosso futuro e fundamentalmente o das novas gerações de farmacêuticos no SNS.



A Direção do Sindicato Nacional dos Farmacêuticos

 

 
FARMACÊUTICOS EM CHOQUE – GOVERNO RECUSA PUBLICAR O DIPLOMA QUE NEGOCIOU COM O SNF Imprimir e-mail
01-Jul-2017

O Sindicato Nacional dos Farmacêuticos (SNF) apresentou ontem no Ministério da Saúde um pré aviso de greve para os próximos dias 18 e 19 de julho e, posteriormente, por tempo indeterminado a partir de 1 de agosto.

Esta greve, a primeira que este sindicato decreta em 20 anos, abrange os farmacêuticos que trabalham nos Serviços da Administração Pública, em concreto para o Ministério da Saúde, e resulta do rompimento unilateral dos compromissos assumidos pelo Governo nas negociações da Carreira Farmacêutica.

Estas negociações tinham sido finalizadas em março de 2017 e resultaram na proposta de um Diploma que implementaria a referida carreira na administração pública, fundamentalmente, no SNS.

No entanto, na passada segunda feira, dia 26 de junho, em reunião no Ministério da Saúde, com a presença do Senhor Ministro da Saúde e do Senhor Secretário de Estado da Saúde, foi dito a este sindicato que, por alteração do posicionamento do Ministério das Finanças em relação à implementação desta carreira, não seria possível ao Ministério da Saúde prosseguir com o processo legislativo que culminaria na publicação do referido Diploma.

A função dos farmacêuticos no SNS é insubstituível em áreas tão críticas quanto as análises clínicas e a genética humana, bem como na aquisição, preparação e distribuição de medicamentos e dispositivos médicos, nomeadamente, medicamentos para o tratamento do cancro e das doenças infeciosas, com elevado impacto orçamental, que precisam de ser geridas por farmacêuticos, enquanto profissionais altamente qualificados.

Vale a pena salientar que da publicação do referido Diploma não resultava qualquer impacto orçamental (condição “sine qua non” imposta pelo Governo), nem nenhuma mais-valia para os farmacêuticos, a não ser a da adequada regulamentação e organização da função. Estas duas vertentes foram plenamente cumpridas na proposta de Diploma que foi acordada e que foi conseguida à custa de elevados sacrifícios dos Farmacêuticos, numa perspetiva de investimento no seu futuro e estabilidade profissional.

Uma vez que ficaram esgotados todos os mecanismos negociais, os Farmacêuticos vêem-se forçados a recorrer à greve e lamentam os inevitáveis prejuízos que esta greve causará aos utentes.

A Direção do Sindicato Nacional dos Farmacêuticos

CONSULTE AQUI O PRÉ AVISO DE GREVE E SERVIÇOS MÍNIMOS 

 

 

Agenda

Outubro 2017 Novembro 2017
Se Te Qu Qu Se Sa Do
1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31
Powered and Design by INPUT